Estes são os Blogues dos que amam Angola

Estes são os Blogues dos que amam Angola
Carreguem com o rato nesta imágem

Musica

sábado, 15 de maio de 2010

ONG em Benguela

Notem como se vive em Benguela. Negro e Branco lado a lado, na finalidade de fazer dessa terra um local onde todos vivam em paz, amor e egual sociedade... orgulho-me com isso.

ONG "Cruz Azul" reabilita 248 tóxico-dependentes

Benguela – 248 tóxico-dependentes foram reabilitados em 2009, na província de Benguela, pela Organização não Governamental Angolana Cruz Azul (CAA), por forma a promover a sua reintegração social.

Segundo o director-geral da instituição, Castilho Singelo, os mesmos foram reabilitados através da reeducação cristã e social, para desencorajar o consumo desregrado de bebidas alcoólicas e outras drogas, como o cigarro.

Explicou que os cidadãos foram igualmente integrados no mercado de trabalho, por via do Programa de Geração de Emprego.

Castilho Singelo acrescentou que alguns recuperados são provenientes de diversas províncias do país, particularmente Benguela, garantindo que outros tóxico-dependentes, sobretudo jovens, ainda se encontram em reabilitação.

A ideia é reinseri-los este ano no meio social e familiar.

A par disso, notou que 360 mil cartilhas educativas sobre as medidas de prevenção contra a malária, cólera, VIH/Sida, tuberculose e drogas foram distribuídas nos mercados informais, nas igrejas e escolas.

Disse terem trabalhado ainda na sensibilização dos automobilistas para cumprirem com as normas do código de estrada, evitando o álcool na condução.

De acordo com o responsável, a ONG também dedicou especial atenção à realização de palestras em unidades militares, para sensibilizar os agentes das consequências negativas do álcool e de drogas.

3 comentários:

  1. José é maravilhoso o trabalho desta ONG, aqui temos trabalhos deste tipo também. Entra no Blog:http://ong-alerta.blogspot.com para veres o trabalho desta ONG.
    Aqui também temos os negros e brancos convivendo na mesma sociedade.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  2. Mas espero que tenha um acompanhamento depois, pois o problema é depois que sae do instituto e enfrenta os problemas do dia sozinho...

    Fique com Deus, menino José.
    Um abraço.

    ResponderEliminar