Estes são os Blogues dos que amam Angola

Estes são os Blogues dos que amam Angola
Carreguem com o rato nesta imágem

Musica

domingo, 17 de outubro de 2010

Angola: Filha de Eduardo dos Santos é “Zon”…?

Postado por: Melita Em julho 3, 2009 As 3:00 am.

Um povo que vive miseravelmente…Uma filha do Presidente desse mesmo povo, que é já das mulheres mais ricas do mundo…Um País, em que para se entrar no seu mercado, tem que se dar “parceria” à filha do Presidente …”
Essa filha, para não ser o pai, já vem fazendo parcerias desse tipo, com muitas das empresas sediadas em Portugal …

O povo…vive na “terra do Nunca”…

Diga lá Quem é ZON???

Diga lá Quem é ZON???

Não pactues com este tipo de “farsas” das grandes empresas Portuguesas…, que pensando também em lucros, esquecem o sofrimento do povo Angolano, tal como quem o dirige.

Quem Cala consente…

Deus escreve direito por linhas tortas… Esta é a Esperança do povo da “terra do nunca” povo Angolano e Português…

O que se passa em Angola?


Por ANTÓNIO VERÍSSIMO -- MARTINHO JÚNIOR, em PÁGINA UM.

A FOME TAMBÉM TEM O ROSTO DOS CORRUPTOS ANGOLANOS
Impressionante. É o adjectivo que moderadamente conseguimos encontrar para classificar aquilo que Martinho Júnior nos traz do YouTube. Realidade que também vai encontrando no quotidiano angolano, principalmente de Luanda, como é o exemplo aqui trazido.

Uma evidência que nos convida a darmos muitos gritos de revolta pelo estado a que os Josés Eduardos dos Santos, angolanos e de outras nacionalidades, conduziram o povo angolano, os idosos, os homens e mulheres angolanas, os jovens, os adolescentes e as crianças.
Impressionante é vermos como mãos cheias de crianças e adolescentes abandonados sobrevivem diariamente entre a imundice, a destruição, a fome e as doenças.
Próximo, os José Eduardos dos Santos dos MPLÁs e de futuros MPLÁs com outros nomes sugam as riquezas de um país sem mínima consideração pelo seu povo ou até pela histórica luta pela independência por que homens de antanho deram a vida.

Pela comprovada crueldade, displicência e egoísmo de mentes criminosas que SE governam em Angola, publicamos o despacho do nosso elemento da Fábrica dos Blogs em Angola. - António Veríssimo


Angola lidera países com mais mortes por causas ambientais
2007 Junho 14
Cerca de 116 mil pessoas morrem anualmente em Angola devido às más condições ambientais, principalmente da água e ar, de acordo com um estudo divulgado nesta quarta-feira pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O resultado lista o país como um dos piores colocados, ao lado de Burkina Faso, Mali e Afeganistão.

O estudo “Fardo Ambiental das Doenças” é o primeiro a traçar em cada país o impacto dos problemas ambientais, que, segundo estimativas da OMS, causam anualmente 13 milhões de mortes em todo o mundo. Os cálculos da OMS, baseados nas estatísticas de saúde nacionais relativas a 2004, indicam que os problemas ambientais em Angola são responsáveis por 37% das doenças e 116 mil mortes todos os anos.

O número de anos de vida saudável perdidos no país devido a problemas ambientais é de 304 por 1.000 habitantes anualmente. As diarréias representam o principal impacto da má qualidade do ambiente por tipo de doença, com uma taxa angolana é de 114 dias de vida perdidos, a pior do mundo. Entre as piores do mundo estão ainda as taxas de impacto ambiental nas infecções respiratórias (50 dias), ferimentos causados por acidentes rodoviários (8,9 dias) e ferimentos com outras causas (17 dias).

Interesses angolanos vão desde a banca aos media
- DN de junho/2009


A compra da maioria do capital da empresa que detém o semanário Sol por parte de uma empresa angolana, a Newshold, foi o último passo, conhecido, de investimentos em Portugal. Nos últimos anos, a presença angolana em Portugal foi clara e notória.

Uma das maiores associações está no sector da energia. A petrolífera Sonangol integra o capital da Amorim Energia, empresa do grupo Amorim, um dos maiores accionistas da Galp. Nos últimos quatro anos, o consórcio formado por Américo Amorim, Sonangol, Isabel dos Santos, filha de José Eduardo dos Santos, e Caixa Galicia, já arrecadou cerca de 330 milhões de euros em dividendos (valor bruto, sujeito a impostos) desde que entrou no capital da Galp Energia.

Os investimentos da filha de José Eduardo dos Santos passam ainda pela banca. No final do ano passado, a Santoro Financial Holding, detida por Isabel dos Santos, comprou a posição de 9,69% que o BCP detinha no banco BPI.O negócio foi feito por 163,9 milhões de euros, segundo foi noticiado.

Isabel dos Santos detém ainda, através da Santoro Financial, uma posição de 25% no Banco BIC Português, presidido por Mira Amaral, antigo ministro de Cavaco Silva, detido maioritariamente por capitais angolanos.

Recentemente, segundo notícias vindas a público, Isabel dos Santos fechou um negócio com a empresa portuguesa Zon Multimédia para o projecto de televisão por cabo em Angola. A nova sociedade constituída em Angola será detida 70% por Isabel dos Santos e os restantes pela dona da TV Cabo portuguesa. O projecto aguarda as licenças das autoridades angolanas.

por C.R.L -- DN Portugal de 30/06/2009

2 comentários:

  1. José, passando pra marcar minha presença, você sabe que não gosto de comentar sobre política.
    Abraços e beijos!

    ResponderEliminar
  2. eu acho esta mulher e de respeitar ,que ricos a muntos mais com cabesa a pocos


    jet.jet.ch@hotmail.com

    ResponderEliminar